Você sabe o que é Doença Renal Crônica (DRC)?

Também conhecida como Insuficiência Renal Crônica, é doença caracterizada pela perda progressiva e irreversível da função dos rins.

E o que causa a DRC?

São vários os fatores de riscoque podem levar uma pessoa a desenvolver a doença. Entre eles, deve-se destacar doenças crônicas como Hipertensão Arterial, Diabetes Mellitus, Obesidade e hábitos inadequados tal como o tabagismo. Ainda é preciso lembrar das pessoas que tem história de doença renal na família.

Muitas pessoas tem DRC?

Sim. Infelizmente, devido ao grande número de pessoas acometidas por um ou mais destes fatores de risco, a DRC é comum na nossa população.

Cerca de 10% da população adulta apresenta algum grau de perda de função renal e esta porcentagem pode atingir 30 a 50% entre pessoas acima de 65 anos.

E quais as consequências relacionadas a DRC?

Muitas pessoas sabem que ela pode evoluir para necessidade de terapia dialítica (hemodiálise e diálise peritoneal), mas, além disto, outro dado importante e desconhecido por muitos é que ela determina elevado risco para morte de causa cardiovascular, como infarto agudo do miocárdio e acidente vascular encefálico (“derrame”).

Sendo assim, o importante é a PREVENÇÃO e a DETECÇÃO PRECOCE da doença.

E como se faz isto?

Com o controle adequado e/ou reversão dos fatores de risco que causam a DRC é possível preveni-la, bem como retardar a perda da função dos rins.

E através de exames básicos de creatinina e urina a doença pode ser detectada precocemente. Para isto, o paciente deve ser avaliado por médico nefrologista, que também o acompanhará e orientará medidas fundamentais para a melhor evolução da doença.